VII Campeonato de Mundo de futebol, 1962, Chile: bicampeonato para o Brasil

Uma competição surpreendentemente organizada pelo Chile, que foi uma das seleções que se destacaram ao conseguir ficar no pódio, de longe a melhor prestação deste país. A Checoslováquia também causou sensação ao chegar à final, perdendo com o Brasil, depois de ter empatado com este na primeira fase, marcando, inclusive, primeiro na final.

Pelé está sempre a dizer que ganhou três vezes esta prova, é verdade, no entanto, nesta edição a sua participação não foi preponderante ou sequer teve qualquer impacto pois lesionou-se no primeiro jogo e não mais jogou até à final. A grande figura do Brasil foi Garrincha que comandou e carregou a equipa até à vitória final, coadjuvado por os golos de Amarildo. Aliás, se fosse hoje, Garrincha não teria jogado a final porque foi expulso nas meias-finais, porém, naquela altura, os dirigentes brasileiros utilizaram a sua influência e ele assim pôde jogar a final onde foi importante para o título do Brasil, o bicampeonato, conseguindo ganhar duas vezes consecutivas este evento, feito só igualado pela Itália nos anos 30.

Deixe um comentário

Ainda sem comentários.

Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

  • Arquivos

  • Novembro 2012
    M T W T F S S
    « Out   Dez »
     1234
    567891011
    12131415161718
    19202122232425
    2627282930