Independiente, a sua suprema eficácia

O Independiente, equipa argentina, é ainda a equipa com mais vitórias na Taça dos Libertadores da América, apesar do seu último triunfo ter sido em 1984, com sete vitórias. Com uma pequena curiosidade: sete vitórias em sete presenças na final, isto é, 100% de eficácia o que não deixa de se assinalar. Ao contrário na Taça Intercontinental, agora Mundial de Clubes, apenas alcançou dois triunfos em seis presenças nas finais, eficácia de 33%. Tivesse a mesma eficácia e estaríamos na presença de algo, aqui sim, galáctico. Ainda detém o maior número de vitórias  consecutivas nesta competição: quatro triunfos consecutivos entre 1972 e 1975.

Jogadores como o guarda-redes Santoro, Savoy, Bernao, Barrios, Gúzman; depois, ainda o guarda-redes Santoro, Balbuena, Galván, o grande capitão Bochini, Bertoni e Pastoriza; e por fim, ainda o grande capitão Bochini, Burruchaga, Percudani, Barbéron, Giusti. Este nomes foram alguns dos que contribuíram para a grandeza e o epíteto de ser o clube com mais vitórias na Taça dos Libertadores da América, contabilizando sete triunfos em sete finais. Embora, agora se pergunte se manterá esse desiderato por muito mais tempo, primeiro porque o Boca Juniors com seis taças se aproxima perigosamente, depois porque o clube, à excepção de um título em 2003, tem passado por um momento de pouca inspiração, isto é, com resultados modestos nada condizentes com a grandeza do seu glorioso passado?

ANO FASE ATINGIDA ADVERSÁRIO RESULTADO
Independiente:
 
1964 1ªfase Alianza (Peru) 4-0/2-2*
  Millonarios (Colômbia) 5-1/2-0*+
  Meias-finais Santos (Brasil) 3-2*/2-1
  FINAL Nacional Montevideu (Uruguai) 0-0*/1-0
1965 1ªfase Isento
  Meias-finais Boca Juniors (Argentina) 2-0/0-1*/0-0#
  FINAL Peñarol (Uruguai) 1-0/1-3*/4-1
1972 1ªfase Rosário Central (Argentina) 2-2*/2-0
  Atlético Nacional (Colômbia) 1-1*/2-0
Independiente Santa Fé (Colômbia) 4-2*/2-0
  Meias-finais Barcelona (Equador) 1-1*/1-0
  São Paulo (Brasil) 0-1*/2-0
  FINAL Universitário (Peru) 0-0*/2-1
1973 1ªfase Isento
  Meias-finais Millonarios (Colômbia) 0-1*/2-0
  San Lorenzo (Argentina) 2-2*/1-0
  FINAL Colo Colo (Chile) 1-1/0-0*/2-1 a.p.
1974 1ªfase Isento
  Meias-finais Huracán (Argentina) 1-1*/3-0
  Peñarol (Uruguai) 3-2*/1-1
  FINAL São Paulo (Brasil) 1-2*/2-0/1-0
1975 1ªfase Isento
  Meias-finais Rosário Central (Argentina) 0-2*/2-0
  Cruzeiro (Brasil) 0-2*/3-0
  FINAL Unión Española (Chile) 0-1*/3-1/2-0
1984 1ªfase Estudiantes (Argentina) 1-1*/4-1
  Sportivo Luqueño (Paraguai) 1-0*/2-0
  Olímpia Assunção (Paraguai) 0-1*/3-2
  Meias-finais Nacional de Montevideu (Uruguai) 1-1*/1-0
  Universidad Católica (Chile) 0-0*/2-1
  FINAL Grémio (Brasil) 1-0*/0-0
 
+vitória atribuída por que a equipa colombiana estava filiada numa associação não inscrita na FIFA
# classificou-se por melhor diferença de golos
*jogos no estádio do adversário

Deixe um comentário

Ainda sem comentários.

Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

  • Arquivos

  • Setembro 2009
    M T W T F S S
    « Ago   Out »
     123456
    78910111213
    14151617181920
    21222324252627
    282930