Independiente, a sua suprema eficácia

O Independiente, equipa argentina, é ainda a equipa com mais vitórias na Taça dos Libertadores da América, apesar do seu último triunfo ter sido em 1984, com sete vitórias. Com uma pequena curiosidade: sete vitórias em sete presenças na final, isto é, 100% de eficácia o que não deixa de se assinalar. Ao contrário na Taça Intercontinental, agora Mundial de Clubes, apenas alcançou dois triunfos em seis presenças nas finais, eficácia de 33%. Tivesse a mesma eficácia e estaríamos na presença de algo, aqui sim, galáctico. Ainda detém o maior número de vitórias  consecutivas nesta competição: quatro triunfos consecutivos entre 1972 e 1975.

Jogadores como o guarda-redes Santoro, Savoy, Bernao, Barrios, Gúzman; depois, ainda o guarda-redes Santoro, Balbuena, Galván, o grande capitão Bochini, Bertoni e Pastoriza; e por fim, ainda o grande capitão Bochini, Burruchaga, Percudani, Barbéron, Giusti. Este nomes foram alguns dos que contribuíram para a grandeza e o epíteto de ser o clube com mais vitórias na Taça dos Libertadores da América, contabilizando sete triunfos em sete finais. Embora, agora se pergunte se manterá esse desiderato por muito mais tempo, primeiro porque o Boca Juniors com seis taças se aproxima perigosamente, depois porque o clube, à excepção de um título em 2003, tem passado por um momento de pouca inspiração, isto é, com resultados modestos nada condizentes com a grandeza do seu glorioso passado?

ANO FASE ATINGIDA ADVERSÁRIO RESULTADO
Independiente:
 
1964 1ªfase Alianza (Peru) 4-0/2-2*
  Millonarios (Colômbia) 5-1/2-0*+
  Meias-finais Santos (Brasil) 3-2*/2-1
  FINAL Nacional Montevideu (Uruguai) 0-0*/1-0
1965 1ªfase Isento
  Meias-finais Boca Juniors (Argentina) 2-0/0-1*/0-0#
  FINAL Peñarol (Uruguai) 1-0/1-3*/4-1
1972 1ªfase Rosário Central (Argentina) 2-2*/2-0
  Atlético Nacional (Colômbia) 1-1*/2-0
Independiente Santa Fé (Colômbia) 4-2*/2-0
  Meias-finais Barcelona (Equador) 1-1*/1-0
  São Paulo (Brasil) 0-1*/2-0
  FINAL Universitário (Peru) 0-0*/2-1
1973 1ªfase Isento
  Meias-finais Millonarios (Colômbia) 0-1*/2-0
  San Lorenzo (Argentina) 2-2*/1-0
  FINAL Colo Colo (Chile) 1-1/0-0*/2-1 a.p.
1974 1ªfase Isento
  Meias-finais Huracán (Argentina) 1-1*/3-0
  Peñarol (Uruguai) 3-2*/1-1
  FINAL São Paulo (Brasil) 1-2*/2-0/1-0
1975 1ªfase Isento
  Meias-finais Rosário Central (Argentina) 0-2*/2-0
  Cruzeiro (Brasil) 0-2*/3-0
  FINAL Unión Española (Chile) 0-1*/3-1/2-0
1984 1ªfase Estudiantes (Argentina) 1-1*/4-1
  Sportivo Luqueño (Paraguai) 1-0*/2-0
  Olímpia Assunção (Paraguai) 0-1*/3-2
  Meias-finais Nacional de Montevideu (Uruguai) 1-1*/1-0
  Universidad Católica (Chile) 0-0*/2-1
  FINAL Grémio (Brasil) 1-0*/0-0
 
+vitória atribuída por que a equipa colombiana estava filiada numa associação não inscrita na FIFA
# classificou-se por melhor diferença de golos
*jogos no estádio do adversário

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: